31.12.16

Coisas chatas que todo cacheado escuta


Oii gente!
No post de hoje vou falar de algumas coisa chatas que todo cacheado é obrigado a escutar, são coisas que eu escuto no meu dia a dia, a maioria das pessoas que perguntam isso são pessoas que não gostam do nosso cabelo outras só por curiosidade.

1. Você usa muito creme, deve ter caspa!
Gente eu acho essa pergunta muito chata, não é por que a gente usa muito creme que vai ter o cabelo cheio de caspa, quem e cacheado sabe que nossos cabelos precisa de muito creme mas todo tem sua quantidade certa de por no cabelo.

2. E não é que é macio?
Muitas pessoas pensam que nossos cabelos parece um bombril essa é a primeira impressão que as pessoas tem do nosso cabelo, gente cabelo cacheado requer muitos cuidados e esses cuidados deixam nossos cabelos muito macio.

3. Cabelo volumoso é horrível! 
Muita gente já mi falou isso, mas hoje em dia mudou muito essa coisa de ter um cabelo baixinho, eu só gosto do meu cabelo volumosos.

4.Seu cabelo é peruca?
Escuto isso todos os dias, tem pessoas que chega do nada e puxa meu cabelo fico com muita raiva disso.

5. Por que você não corta?
Pessoas perguntam por que eu não corto meu cabelo, falam que meu cabelo é feio, mas não dó muita atenção pra isso por que amo meu cabelo.

6. Entra água no seu cabelo?
Odeio quando uma pessoa pergunta pra mim isso, e sim no meu cabelo entra água não é por que meu cabelo é cacheado que ele não entre água, essas é uma das perguntas mas idiota, nunca pergunte isso para um cacheado.

Esse foi o post de hoje, espero que tenha gostado e até aproxima, bjss.

Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. Além de serem perguntas chatas, são super indiscretas né?
    Charme-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim são super indiscreta, fico com muita raiva quando mi fazem essas perguntas.

      Excluir
  2. São bem chatas mesmo, desnecessário!
    Adorei o blog, seguindo
    decorouotalbolero.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

SOS Pedro © 2016 - 2017

Todos os Direitos reservados | Design e Desenvolvimento por Lariz Santana